Header Ads

Indicação: Koukou Debut - Entre pessoas distantes e gente entusiasmada


Olá people, como estão? Espero que estejam bem. Novamente é a Bruna falando e hoje trouxe mais uma indicação sobre um mangá mamão com açúcar para vocês. Digo isso por ele ser incrivelmente tranquilo e algumas vezes engraçado, nada com muitas informações nas entrelinhas e com traços lindíssimos; estamos falando de Koukou Debut.

Para início de conversa, quando comecei a ler este mangá não tinha grandes expectativas apesar de tê-lo encontrado numa das minhas pesquisas sobre personagens bem construídos. MAS, esse não é o ponto, onde quero chegar é que a história é muito gostosa de ler e em um determinado momento o(a) leitor(a) começa a torcer (mesmo sabendo o final, porque mangás shoujo como este já sabemos o que vai acontecer) pelo casal principal e querer protegê-los. Eles não são complexos ou têm uma estrada repleta de sofrimento, arrisco dizer que tanto os protagonistas quanto o restante dos personagens são imensamente simples e é por causa disso que resolvi indicá-lo a vocês.

O mangá conta a história de Haruna Nagashima que acaba de ingressar no ensino médio. No fundamental, ela se dedicava ao softebol e lia muitos mangás shoujo, porém, agora, por ser uma colegial, coloca em sua cabeça que precisa ficar atraente para ter um namorado, a partir disso ela começa a fazer todos os esforços possíveis para se tornar uma garota que os homens queiram, e para ajudá-la, Yoh Komiyama transforma-se em seu treinador. Mas existia uma regra entre eles, na qual Haruna não poderia se apaixonar por Yoh.




Como um shoujo mamão com açúcar, fácil de ler e entender os protagonistas e coadjuvantes, vocês vão poder desfrutar da companhia dos personagens em 15 volumes muito bem desenhados (sim, eu vou frisar isso por ter me apaixonado pelo traço da autora), além de poderem torcer para o crescimento da Haruna com relação aos seus gostos e como medir seu entusiasmo diante de algumas situações. Para ser franca, acredito que Koukou Debut deveria ser lido como um mangá de fim de semana, pois ele traz uma áurea relaxante da qual você não consegue tirar os olhos.

Kawahara Kazune, autora desta história, trouxe um tom humorístico bem trabalhado para acompanhar a mente da protagonista e àqueles que estão ao seu redor. Yoh Komiyama, o rapaz-treinador-futuro-namorado de Haruna, tem um passado com péssimas memórias de seus relacionamentos, pois ele é um garoto popular por ser bonito e talentoso, porém com seu temperamento ruim as garotas pararam de se confessar e somente cortejá-lo indiretamente. Mas ele vai se apaixonando aos poucos quando começa a treinar Nagashima e é algo legal de se observar.

Arrisco dizer que Koukou Debut não traz a sensação de “filme bom”, mas consegue cativar pelas situações e personagens carismáticos. É quase como aqueles filmes de comédia romântica na qual já sabemos que o couple vai ficar junto, mas existem algumas situações conflitantes que nos fazem torcer para eles ficarem bem. Kawahara não fez algo incrivelmente novo com diversas linhas para se observar, ela criou uma história simples, com personagens mais simples ainda e é por isso que o mangá é muito bom, por ser algo simples.



Apesar de algumas reviravoltas e vezes em que achamos a irmã de Yoh alguém ruim, vocês vão poder desfrutar de muitas situações fofas e se apaixonar pelos personagens secundários; eles estão ali para dar apoio ao casal principal, mas o leitor fica sensibilizado por suas atitudes e até, em um caso específico, deseja que o garoto encontre alguém para ficar consigo. Definitivamente é uma história legal, ainda mais por termos uma protagonista inocente e ignorante quanto aos assuntos românticos, ela não fica esperando sentada alguém ir até ela e é uma entusiasta sem cura.

Vocês deveriam ler Koukou Debut por ser algo que aquece o coração e nos faz relaxar, além de ser uma história boa aos olhos e com um bom desenvolvimento. Mas lembrem-se: não esperem por algo incrível, pois o mangá é bem simples e conciso. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.