Header Ads

Arakawa Under The Bridge - vol. 8

Alô, meu povo! Depois de muito tempo, eu estou de volta, e com um dos meus mangás favoritos!
Esta edição foi igualmente maluca e agitada, o que faz com que a nossa sanidade ainda seja colocada à prova!

Com tantas coisas acontecendo, impossível falar de um assunto só!
Este volume começa com a Pi-ko querendo ser atriz. E, em meio a tantos personagens principais, apenas um faz o seu coração acelerar, que é o seu amado Prefeito. Mas não se preocupem! Este filme tinha de tudo para ser um fiasco, principalmente com a escalação da equipe de filmagem e edição.
Os personagens são sempre muito caricatos, e é óbvio que, mesmo com todo o roteiro escrito, ninguém o seguiria e faria tudo na base da improvisação. Com certeza o filme ganharia o prêmio de Framboesa de Ouro, e o plano da Pi-ko deu certo: ficar mais próxima de seu amor.
 
Um pequeno ensaio do fiasco
Depois, temos a Shimazaki-san louca de amor e o Branquelo ligando para a competição de Corrida em Linha Branca, que será realizada na Austrália.
O mais engraçado é que, enquanto Recruta está achando que o homem e sua mulher estão pensando em se divorciar, na verdade ela havia lhe entregado a ficha de inscrição para o tal concurso.
Enquanto isso, Shimazaki está sofrendo por não ter treinado o suficiente, pois Branquelo é um professor muito rigoroso.

Lições de moral: Nem tudo é o que parece ser, e alguém sempre acaba sofrendo para tornar o outro feliz.


Amor e sofrimento
E então, chega a parte do Last Samurai, até então muito pouco falado. Ele mudou completamente assim que passou a morar debaixo da ponte, e também é um dos personagens mais influenciáveis.
Mas é claro que uma pessoa dessas se deixaria levar pelo pessoal do Arakawa, não é mesmo? Um cabeleireiro de sucesso, que de tão bonito teve que desistir de tudo na sua vida.
Inclusive, tem notícias circulando sempre por aí, destacando o lado ruim de ser bonito, inclusive a falta de elogios pelo seu trabalho, e sim por seu rosto.

Como o moçoilo era antes.
E é claro que o pessoal do Arakawa não deixou de ajudar (do jeito deles, lógico), e todos eles se tornaram pessoas estilosas e super produzidas.

As mudanças começaram a aparecer!
Depois dessa loucura toda de estilo, vem a loucura do Sister depois da missa. Os biscoitos foram distribuídos depois daquele ritual diferente, e um bolo completamente bem-feito foi distribuído para todo mundo. Mas ninguém disse que seria um evento normal!
Sabe quando nossa mãe nos pedia para guardar as coisas depois de brincar quando éramos mais jovens? Recruta teve que bancar papel de mãe, até porque nem perto do Sister tem ordem e, para ele, ela é instaurada por autodefesa e armas bélicas.


Alguém se lembra do Drowzee, o Pokémon? Então, ele também é uma anta(baku) comedora de sonhos lol
E então, a época de TPM dos meninos psíquicos chegou. Ao menos uma vez por ano, eles se descontrolam, até mesmo com suas notas da escola.
E a única pessoa que consegue controlá-los é a Nino, transformando toda onda psiquicamente maluca em apenas um teatrinho (o que é mesmo... a o protagonista acreditou).


NINGUÉM DO ARAKAWA É PESQUISADOR!
E parece que até mesmo Billy e Jackeline têm alguns problemas. Ela era mulher do chefe da Yakuza, e ele conseguiu "salvá-la". O problema é que poderia acabar em algo pior que apenas uma conversa com chá e biscoitos, mas tudo acabou saindo bem para o cara mais maneiro do Arakawa.

"Estou bem, minha querida. Vamos para casa."
A parte da escola também foi muito boa, até porque todo mundo conseguiu se reunir para montar um Parque de Diversões para que Recruta e seus alunos pudessem curtir juntos em uma excursão.
E será que ia dar alguns problemas técnicos? Claro que sim! Olha de quem estamos falando! Além do mais, o que importava era a diversão das crianças, então o professor era quem tinha que se lascar todo, não é mesmo?
Todas as crianças, por mais que gostem de estudar, precisam ter um pouco de diversão para si mesmas. O corpo e a alma ficam mais descansadas para enfrentar uma nova atividade e um novo dia,
e Recruta proporcionou esse momento, mesmo que nem tudo tenha sido flores.

Até mesmo ele, que achou que nunca tinha ido a um parque de diversões, teve o seu momento de descanso. Até que o seu pai não era todo carrasco.
E então, um mangaká conhecido por todos nós resolveu fazer parte do "Bandão de Arakawa", com a promessa de fazer uma obra para cada um deles.
Mas, até quando enlouqueceu com o trabalho de dois mangás ao mesmo tempo, ele continuou pensando em trabalho.   
Ele não havia percebido isso antes. É a mesma coisa daquelas pessoas que vão viajar com a família e acabam checando o e-mail de 5 em 5 minutos. E, depois de todo o sufoco, o mangaká voltou para as suas obras... e uma delas não agradou muito o povo, não...(exceto o pessoal dos cosplays lol)

Agradou mais mesmo o pessoal do rio que o resto!
E chegamos na última parte, onde teve um festival no Rio Arakawa e, quando Recruta achou que se divertiria um pouco com a Nino, aparece a Amazona!
Depois de tanto sufoco, que nem da última vez, ela não conseguiu nada com o protagonista, mas houve o despertar de um novo amor...?


Novo ser reconhecido pelo Deus Gari-Gari!

E assim, termino aqui o meu artigo! Muito obrigada a todos que leram! Até o próximo!


Este mangá também parece ser interessante!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.